Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



VOLKSWAGEN

Domingo, 08.07.12






























































Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 21:20

VOLKSWAGEN

Domingo, 08.07.12






























































Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 21:20

GATAS DA INTERNET

Domingo, 08.07.12


















































Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 20:11

GATAS DA INTERNET

Domingo, 08.07.12


















































Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 20:11

LINDA BLAIR BIOGRAFIA

Domingo, 08.07.12
Linda Blair

Linda Denise Blair (nascida em 22 de janeiro de 1959   ) é uma atriz americana.   Blair é mais conhecida por seu papel como a possuída filha, Regan , no filme O Exorcista (1973), para o qual ela foi nomeada para um Oscar e dois Globos de Ouro , vencendo uma. Ela reprisou seu papel em O Exorcista II: O Herege (1977).
                                                                           Biografia

Blair nasceu em St. Louis, Missouri , e foi criada em Westport, Connecticut . Ela começou sua carreira como modelo infantil de seis anos de idade e começou a atuar com um papel regular na vida curta Faces Ocultas (1968-69) de sabão tempo do dia. Sua primeira aparição cinematográfica teatral foi em The Way We Live Now (1970). Blair foi selecionado a partir de um campo de 600 candidatos para seu papel mais notável como Regan em O Exorcista (1973). O papel lhe valeu um Globo de Ouro e Prêmio de Escolha Popular de Melhor Atriz Coadjuvante, bem como um Oscar nomeação. Ela reprisou seu papel na seqüência, O Exorcista II: O Herege (1977), ganhando um prêmio Saturn . nomeação para Melhor Atriz de 1978   Entre estes dois filmes, ela apareceu nos filmes de TV nascem inocentes (1974), Sarah T . - Retrato de um adolescente Alcoólica (1975), e Hostage Doce (1975) oposto Martin Sheen .

No final da década de 1970, Blair enfrentou problemas com as autoridades policiais como ela foi presa e acusada de posse de drogas e conspiração para vender drogas. Após o julgamento, ela não foi considerado culpado de posse de bola, mas culpado de conspiração para vender, levando a uma redução da pena de liberdade condicional de três anos. Embora ela tentou atuar em filmes posteriores, Blair foi difícil para reiniciar sua carreira tela e caiu de baixa filmes de ensino, nas décadas de 1980 e posteriores. Como ela mesma disse em uma entrevista, sua carreira "desceu mais rápido que o Titanic".  

Carreira de Blair tomou um novo rumo na década de 1980, quando ela estrelou uma série de sucesso filmes de horror de baixo orçamento e exploração, incluindo a Noite do Inferno (1981), Calor Acorrentado (1983) e Ruas Selvagens (1984).

Blair, desde então, trabalhou em vários filmes, incluindo a paródia Exorcista, Repossessed (1990), e uma participação especial em Pânico (1996). Em 1997, ela apareceu em uma remontagem da Broadway de graxa . Ela foi lançada como um regular no programa de televisão BBC, LA 7 (2000). Ela hospedado Fox Familiares de Scariest lugares da Terra (2000-6).

Blair tornou-se um ativista e humanitária, trabalhando com a PETA , a Feed The Children e Variety, de caridade  infantil e outras organizações.   Blair também dedica tempo à sua organização sem fins lucrativos, a Linda Blair WorldHeart Foundation , que trabalha para resgatar animais abusados, negligenciados e maltratados. Ela é uma vegan, e foi co-autor do livro Vegan Going!.

Em 2008 ela apareceu no Fantasia Málaga 18 anual e Horror Film Festival para aceitar um prêmio por seu trabalho no gênero horror.

Ela apareceu em 2009 documentários Confissões de uma Adolescente Vigilante , discutindo seu papel como Brenda em Ruas Selvagens (1984). O documentário é incluído como uma característica do bônus no lançamento do DVD de 2009 do filme.

Em 2010, ela apareceu como ela mesma na série cabo Pit Boss e Jury Duty . Ela aparece no documentário 2011 Rick Springfield questão do coração , e foi palestrante em um episódio de 2011 de O Show de Joy Behar .

Convocados com honras, Blair apareceu em um pré-gravada Annual Academy 84 Prêmios cerimônia de homenagem make-up artist Dick Smith . Smith criou o icônico make-up para Blair em O Exorcista , bem como dezenas de outros filmes.

              Filmografia

Características
The Way We Live Now (1970)
O Sporting Club (1971)
O Exorcista (1973)
Nascido Inocêncio (1974)
Aeroporto 1,975 mil (1,974 mil)
Exorcista II: O Herege (1977)
Stranger in Our House (1978)
Wild Horse Hank (1979)
Rolo Boogie (1979)
Ruckus (1981)
Noite do Inferno (1981)
Calor Acorrentado (1983)
Patrol Noite (1984)
Ruas Selvagens (1984)
Terror nos corredores (1984)
Red Calor (1985)
Savage Ilha (1985)
SFX Retaliator (1987)
Nightforce (1987)
Alvo em movimento (1988)
Grotesque (1988)
Assassinos Silenciosos (1988)
La Casa 4 (também conhecida como Witchery Bruxaria,) (1988)
Up Your Alley (1989)
A Chilling (1989)
Will tia Millie (1989)
WB, Azul e do feijão (aka: Bailout) (1989)
Sono Morto (1990)
Zapped Again! (1990)
Repossessed (1990)
Quarto Olhos II (1991)
Bond Fatal (1992)
Bad Blood (1993)
Skins (1994)
Double Blast (1994)
Sorceress (1995)
Prey do Jaguar (1996)
Pânico (1996)
Não convencional (Documentário, 2004)
Hitters Anônimos (2005)
Tudo é normal (2006)
Imps * (2009)
An Affair of the Heart (2012)
Curtas-metragens
Telefone (1993)
Marina (1997)
Diva Dog: Pit Bull on Wheels (2005)
O Princípio do sopro de pó (2006)
 Televisão trabalho
Faces ocultas (1968-1969)
Nascido Inocêncio (1974)
Sarah T. - Portrait of a adolescente Alcoólica (1975)
Hostage Doce (1975)
Vitória em Entebbe (1976)
Stranger In Our House DVD título: Summer of Fear (1978)
Murder, She Wrote (Murder Takes a Bus) (1985)
MacGyver (1990)
Calendar Girl, Cop, Killer: O Bambi Bembenek História (1992)
Casado ... com crianças (The Magnificent Seven) (1992)
Perry Mason: The Case of the Bride Desolado (1992)
Andando After Midnight (1999-2000)
LA 7 (2000)
Scariest lugares da Terra (2001-2006)
Makers Monster (2003)
Supernatural (2006)
Pit Boss (2010)
Jury Duty (2010)
O Joy Behar Visualizar (2010)
 Prêmios e indicações
Globo de Ouro de melhor atriz coadjuvante (1974, O Exorcista )
- Indicado ao Oscar de melhor atriz coadjuvante (1974, O Exorcista)
Nomeadas - Globo de Ouro de Nova Estrela do Ano (1974, O Exorcista)
Nomeadas - Saturn Award de Melhor Atriz (1978, O Exorcista II: O Herege )

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 19:40

Clark Gable biografia

Domingo, 08.07.12


     Clark Gable

William Clark Gable (Cadiz, Ohio, 1 de fevereiro de 1901 - Los Angeles, California, 16 de novembro de 1960) foi um ator estadunidense. Chamado no auge da sua carreira de "Rei de Hollywood", em 1999 o prestigioso Instituto Americano do Cinema nomeou-o a sétima maior estrela masculina do cinema de todos os tempos.

                                                                       Biografia

Gable era filho do fazendeiro e perfurador de petróleo William Henry Gable  e de Adeline Hepshelman, descendente de alemães e irlandeses.  Na verdade o sobrenome do pai de Clark era Goebel, mas foi anglicizado, nos Estados Unidos, para Gable. O departamento de publicidade da MGM criou a ideia de que Gable era descendente de holandeses e irlandeses, e não de alemães, devido à ascendência do nazismo na época do sucesso de Gable, o que poderia sugerir proximidade com o nome de Joseph Goebbels. Clark era o sobrenome de solteira de sua avó.
Com alguns meses de vida, Clark perdeu sua mãe, devido à fragilidade, às condições do parto que a debilitaram, e à epilepsia; há a probabilidade de ela ter falecido de um tumor cerebral. Antes de morrer, a mãe o batizou na religião católica, mas após sua morte, o lado paterno da família não aceitou tal batismo, criando problemas com a família de Adeline, problemas esses que só foram resolvidos quando o pai o mandou para morar com o tio materno, Charles Hershelman, em Vernon, na Pensilvânia. Até os dois anos, Clark esteve sob cuidados dos tios maternos, e então seu pai o levou de volta para Hopedale, Ohio. O pai casara novamente, em abril de 1903, com a chapeleira Jannie Dunlap, mulher culta e gentil que criou Clark como se fosse seu filho.

Gable cursou a Hopedale Grade School, depois a Edinburg High School. Aos 14 anos estava com 1,83 metros e 68 kg, e fazia parte de um time esportivo, além de tocar trompete no colégio. Um de seus amigos, Andy Means, conseguira emprego em uma fábrica de pneus, B. F. Goodrich, em Akron, e Gable resoveu acompanhá-lo, abandonando os estudos aos 16 anos.
Em Akron, assistiu à peça "The Bird of Paradise", e decidiu que queria ser ator; conseguiu um pequeno trabalho, à noite, na companhia teatral, como "moço de recados". Após um ano, sua madrasta morreu e Clark, acompanhado do pai, foi a contragosto para os campos petrolíferos de Tulsa. Chegou a trabalhar com petróleo, e como domador de cavalos, mas não deixou de lado sua ideia de se tornar ator. Aos 21 anos, herdou do avô 300 dólares, e abandonou os negócios do pai, indo para Kansas City. O pai, frustrado, chegou a ficar 10 anos sem falar com Clark.
Em Kansas City, Clark se filiou a uma companhia de teatro ambulante, a Jewell Players, que acabou se dissolvendo após 2 meses; então, partiu para o Oregon, e no caminho chegou a ser vendedor de gravatas numa loja de departamentos, Meier & Frank. Um colega da loja, Earle Larrimore, estava para se juntar a um pequeno grêmio teatral de partida para Astoria, e Gable os acompanhou. Uma das integrantes do grupo, a atriz Franz Dorfler, apaixonou-se por ele, e chegaram a ficar noivos, não chegando a casar. Posteriormente, Dorfler escreveria um artigo denominado "Eu fui namorada de Billy Gable", publicado no livro "The Films of Clark Gable", de Gabe Essoe.
Em Portland, no Oregon, Gable trabalhou para um jornal e para a companhia telefônica, enquanto tomava lições de canto. Filiou-se a outro grupo de teatro, dirigido pela ex-atriz Josephine Dillon, 14 anos mais velha que ele, mas que o influenciaria muito. Josephine ensinou-lhe postura, entonação, representação, pagou para arrumar seus dentes e seu estilo de cabelo, preparando-o para a carreira cinematográfica.

clarck e vivien leigh

       Carreira

Em 1924, quando Josephine Dillon foi para Hollywood, Gable a seguiu, e em 13 de dezembro daquele ano, estavam casados. Ele trocou seu nome, na época, de W. C. Gable para Clark Gable".  Com a influência de Josephine, conseguiu participação como figurante em filmes como The Plastic Age (1925), estrelado por Clara Bow, "Forbidden Paradise" e uma série intitulada The Pacemakers.
Entre 1927 e 1928, Gable atuou com a Laskin Brothers Stock Company, em Houston, onde fez diversos papéis, ganhando considerável experiência e se tornando um ídolo local. Gable, então, foi para Nova Iorque, e conseguiu trabalho na Broadway. O Morning Telegraph considerou: "He's young, vigorous and brutally masculine". 
Em 1930, após uma impressionante atuação como Killer Mears na peça The Last Mile, bancada por sua esposa, em Los Angeles, Gable teve ótima recepção da crítica, o que lhe angariou vários testes para o cinema. Um desses testes ficou famoso, quando Darryl F. Zanuck o testou para o papel de "Little Caesar" ("Alma de Lodo"), de 1931, e o rejeitou, alegando: "Não serve pra o Cinema. As orelhas são grandes e se parece com um macaco ".
A agente Minna Wallis, irmã de Hal Wallis, viu o teste e ficou impressionada, levando-o para a Pathé, onde seu primeiro papel em um filme sonoro foi o de vilão no western de William Boyd denominadoThe Painted Desert ("O Deserto Pintado"), em 1931. Ele recebeu, na época, diversas cartas de fãs, como resultado de sua voz e atuação.
Gable despertou o interesse da MGM, que resolveu confiar a ele um papel em The Easiest Way ("Tentação do Luxo"), em 1931  ao lado de Constance Bennett, Robert Montgomery e Anita Page. Seu nome, porém, era o último do elenco. Seu sucesso fez com que a MGM renovasse seu contrato por 2 anos.
Após alguns papéis de vilão em diversos filmes, tais como '"Dance, Fools, Dance" ("Quando o Mundo Dança"), The Secret Six ("A Guarda Secreta"), The Finger Points ("Vendido") e Laughing Sinners ("Almas Pecadoras"), Gable alcançou fama como o marginal de A Free Soul ("Uma Alma Livre"), em 1931, quando dominou o filme, ao lado de Norma Shearer, inclusive com tentativas do então marido da atriz, Irving Thalberg, em tentar modificar o roteiro distanciando-o de Shearer o mais possível.
Louis B. Mayer e o diretor de publicidade Howard Strickling, que se tornaria um dos grandes amigos de Gable, tiveram a ideia de lançar um novo tipo de galã, movido menos pelo romantismo e mais pelo cinismo, domínio e sex-appeal agressivo, características mais compatíveis com o período de violência e agitação da Grande Depressão. Gable abriu as portas, portanto, para outros heróis do período, tais como James Cagney, Humphrey Bogart, Spencer Tracy e George Raft.

clarck e marilin monrroe

Em 1933, devido às suas insubordinações e tentativas de escolher papéis, Gable foi cedido, como "castigo", para a então modesta Columbia, para o papel do repórter Peter Wayne no premiado "It Happened One Night", de Frank Capra, o qual lhe valeu o Oscar de ator. Robert Montgomery havia sido cogitado, antes, para o papel de Wayne, mas o recusou por achar o roteiro pobre  Há uma lenda persistente de que Gable exerceu um profundo efeito sobre a moda masculina da época, quando, em "It Happened One Night", apareceu em uma cena sem camiseta, ao tirar sua camisa, contrariando o costume então vigente. Vendedores de roupas masculinas de todo o país confirmaram que houve uma queda na venda de camisetas nesse período.
Gable, transformado por Capra em grande comediante, fugia assim do estereótipo de galã machão que até então utilizara, transformando-se no galã romântico de Chained ("Acorrentada"), Forsaking All Others ("Quando o Diabo Atiça") e After Office Hours ("Tudo Pode Acontecer"); no interno de Men in White ("Alma de Médico"); no facínora de Manhattan Melodrama ("Vencido pela Lei"); no aventureiro de "China Seas" ("Mares da China") e "The Calle of the Wild" ("O Grito das Selvas"), e no Fletcher Christian de Mutiny on the Bounty ("O Grande Motim"), que lhe valeu uma nova indicação ao Oscar

Apesar de sua relutância em fazer o papel de Rhett Butler em "Gone With the Wind" ("… E o Vento Levou"), em 1939, Gable ficou mais conhecido por esse papel, valendo-lhe nova indicação ao Oscar. Carole Lombard pode ter sido a primeira a sugerir que o aceitasse, e ela seria Scarlett.
Após voltar da Segunda Guerra Mundial, continuou fazendo filmes para a MGM, e seu primeiro filme, então, foi '"Adventure" ("Aventura"), em 1945, ao lado de Greer Garson, que não fez muito sucesso, iniciando o período de declínio de sua carreira. Seus últimos filmes para a companhia foram Mogambo ("Mogambo") e Betrayed ("Atraiçoado").
Em 1955, foi contratado pela 20th Century-Fox, fazendo dois filmes, "O Aventureiro de Hong-Kong" e "Nas Garras da Ambição". Posteriormente, experimentou produzir seus próprios filmes, mas não teve sucesso e desistiu, assinando contrato com a Warner Bros, e depois com a Paramount.
O último filme de Gable foi The Misfits ("Os Desajustados"), em 1960, escrito por Arthur Miller, dirigido por John Huston, e co-estrelado por Marilyn Monroe, Eli Wallach, e Montgomery Clift. Este é, também, o último filme de Monroe
Ao longo de sua carreira de 30 anos, Gable fez 67 filmes, isso excluídas as figurações em alguns filmes da época do cinema mudo.

   Gone With the Wind

Em "Gone With the Wind", Gable era cogitado para o papel de Rhet Butler, não apenas pela opinião do público, que o escolhera por votação em um concurso da revita Photoplay para o papel, mas também pelo produtor David O. Selznick, que tivera sua primeira negociação com Errol Flynn embargada pela Warner Brothers, que não queria ceder Flynn sem Bette Davis, (sendo que Davis recusara trabalhar com Flynn).
A negociação de Gable, porém, era difícil, por ser contratado da MGM, pertencente ao sogro de Selznick, Louis B. Mayer, com o qual Selznick tinha problemas por ter saído da MGM e se filiado à United Artistas, formando a Selznick International. A MGM acabou aceitando ceder Gable, em troca da distribuição mundial do filme.  Para ter Gable no filme, Selznick teria pago à MGM cerca de 40 milhões de dólares.
Gable, na verdade, nunca pretendeu fazer o papel de Butler, e levou muito tempo para ler "Gone With the Wind", lendo-o mais por insistência de Carole Lombard e dos amigos. No entanto, para o universo popular, Gable é mais conhecido, até os dias atuais, pelo seu papel em "Gone the Wind".
         Vida pessoal

Em 1930, divorciou-se de Josephine Dillon e, em viagem a Houston, conheceu uma rica socialite do Texas, 17 anos mais velha do que ele, Rhea Franklin Prentiss Lucas Langham, que se tornou sua companhia constante, ensinando-o a se vestir como um nova-iorquino, com chapéu-coco, polainas e bengala. Eles viriam a se casar em poucos dias, em 30 de março de 1930, mas em junho de 1931 casaram-se novamente, na Califórnia, provavelmente devido às dúvidas pela diferença de leis entre os estados.
Ao trabalhar em "The Call of the Wild" ("O Grito das Selvas"), de William Wellman, em 1935, Gable envolveu-se com Loretta Young, com quem teve um caso extraconjugal que resultou no nascimento de uma filha, Judy Lewis.  Na época, Loretta relatava ter adotado a menina, com alguns meses de idade.
Acabou se divorciando de Rhea em 1939. Emprestado à Paramount em 1932, para fazer No Man of Her Own ("Casar por Azar"), contracenou com Carole Lombard, na época casada com William Powell, e se tornou seu admirador. Carole, posteriormente, se divorciou, e o interesse de Gable aumentou. Menos de um mês após o divórcio de Rhea, Gable casou-se com Carole Lombard, em 29 de março de 1939, em Kingman, no Arizona. Era no período da Segunda Guerra Mundial, e Gable foi nomeado pelo Presidente Franklin Delano Roosevelt como Presidente do Comitê de Hollywood para a Vitória, e Carole foi incluída na primeira viagem pelo esforço de guerra, com a finalidade de vender Bônus de Guerra. Em janeiro de 1942, o avião em que Carole e sua mãe estavam caiu, a cinquenta quilômetros a sudoeste de Las Vegas, Nevada, matando as duas. Gable sentiu para sempre a perda de Lombard, e em 1976 foi feito um filme, "Gable and Lombard" ("Os Ídolos Também Amam"), contando sobre a tragédia do casal.
Um mês após Lombard ter falecido, Gable ainda trabalhou em Somewhere I'll Find You, ao lado de Lana Turner. Gable ficou devastado com a morte de Lombard, e viveu o resto da vida, a despeito dos outros casamentos que teve, na casa em que morara com Lombard, em Encino, Califórnia. Ele voltou a casar e trabalhou em mais 27 filmes, "but he was never the same", comentou, certa vez, Esther Williams, "His heart sank a bit".
Em seguida, Gable serviu como voluntário na Europa durante a Segunda Guerra Mundial. Adolf Hitler tinha Gable como seu ator preferido, e durante a Guerra, ao saber de sua presença no front, ofereceu uma recompensa para a sua captura.  Após sua volta, recebeu a Cruz de Distinção em Voo, e a Medalha do Ar, por "feitos excepcionalmente meritórios em cinco diferentes missões de combate em bombardeiros". Em 1944, foi promovido a major e desmobilizado.
Após o terceiro divórcio de Joan Crawford, ela e Gable tiveram um breve relacionamento. Depois, houve ainda um breve romance com Paulette Goddard, e em 1949, casou-se com Silvia Ashley, viúva de Douglas Fairbanks e Baronesa de Alderly. O casamento teve curta duração e eles se divorciaram em 1952.
Em julho de 1955, casou-se com um antigo amor, Kathleen Williams Spreckles, 15 anos mais nova, tornando-se padrasto de seus dois filhos, Joan e Adolph Spreckels III.viveu com Kathleen até o fim de sua vida.
Em 16 de novembro de 1959, Judy Lewis, sua filha com Loretta Young, deu à luz Maria, a primeira neta de Gable.
Em 1960, sua esposa descobriu que estava esperando o primeiro filho do casal. Mas Gable não viveria para ver o nascimento da criança, John Clark Gable, em 20 de março de 1961.
                                                                                 Teatro

1925 - "What Price Glory" ("Sangue por Glória"), drama em 3 atos de Maxwell Anderson, dirigido por Lillian Albertson e produzido por Louis O. Macloon, montado pela West Coast Road Company.
1930 - "The Last Mile", drama em 3 atos de John Wexley, dirigido por Lillian Albertson, encenado por Louis O. Macloon, para a West Coast Road Company, no Belasco Theatre, em Los Angeles.
                                                                             Morte

Em 16 de novembro de 1960, ao concluir as filmagens de The Misfits ("Os Desajustados"), Gable sofreu um infarto do miocárdio e morreu dez dias depois. Foi enterrado no mesmo santuário que havia construído para Carole Lombard e sua mãe, no The Great Mausoleum, em Forest Lawn Memorial Park, Glendale, Califórnia.
Em 1989, a casa de Gable em Los Angeles, Califórnia, foi comprada pelo cantor alemão Thomas Anders e sua esposa, Nora Balling..

 Filmografia

Gable atuou como extra em 13 filmes entre 1924 e 1930. Atuou num total de 67 filmes, e fez ele mesmo em 17 "curta-metragens", além de ter sido o narrador e atuar no filme- propaganda da Segunda Guerra Mundial, denominado Combat America, produzido pelas Forças Armadas dos Estados Unidos da América.

                                                                                  Ator

Os títulos em português referem-se a exibições no Brasil
1923 Fighting Blood (não-creditado – extra)
1923 Long Live the King (O Reizinho) – (extra). Sob direção de Victor Schertzinger. Com Jackie Coogan.
1924 White Man (O Homem Branco) (não-creditado - irmão de Lady Andrea)
1924 Forbidden Paradise (Paraíso Proibido) (não-creditado – soldado da guarda da czarina)
1925 North Star (Estrela do Norte) (Archie West)
1925 Ben-Hur: A Tale of the Christ (não-creditado – extra)
1925 The Plastic Age (Dias de Colegial/ Luar, Música e Amor) (não-creditado – o atleta)
1925 The Merry Widow (A Viúva Alegre) (não-creditado – extra)
1925 What Price Gloria? (não-creditado) 1925)
1925 The Merry Kiddo (não-creditado)
1925 Declassée/ The Social Exile (Alma e Romance) (não-creditado – extra)
1925 The Pacemakers
1926 One Minute to Play (não-creditado – extra)
1926 The Johnstown Flood (A Inundação) (não-creditado – extra no bar)
1930 Du Barry, Woman of Passion (não-creditado - extra)
1931 The Front Page (não-creditado e não-confirmado - repórter com chapéu, na prisão)
1931 The Easiest Way (Nick Feliki, homem da lavanderia)
1931 The Painted Desert (O Deserto Pintado)
1931 Dance, Fools, Dance (Quando o Mundo Dança)
1931 The Easiest Way (Tentação de Luxo)
1931 The Secret Six (Os Seis Misteriosos/ A Guarda Secreta)
1931 The Finger Points (O Dedo Acusador/ Vendido)
1931 A Free Soul (Uma Alma Livre)
1931 Laughing Sinners (Almas Pecadoras)
1931 Night Nurse (A Voz da Consciência)
1931 Sporting Blood (Lealdade)
1931 Susan Lennox: Her Fall and Rise/ "Rising to Fame"/ "The Rise of Helga" (UK) (Susan Lennox)
1931 Possessed (Possuída)
1931 Hell Divers (Gigantes do Céu)
1932 Polly of the Circus (A Atriz do Circo)
1932 Strange Interlude/ "Strange Interval" (Mentiras da Vida)
1932 Red Dust (Terra de Paixões)
1932 No Man of Her Own (Casar por Azar)
1933 The White Sister (A Irmã Branca)
1933 Hold Your Man (Amar e Ser Amada)
1933 Night Flight (Asas da Noite)
1933 Dancing Lady (Amor de Dançarina)
1934 It Happened One Night (Aconteceu Naquela Noite)
1934 Men in White (Alma de Médico)
1934 Manhattan Melodrama (Vencido Pela Lei)
1934 Chained (Acorrentada)
1934 Forsaking All Others (Quando o Diabo Atiça)
1935 After Office Hours (Tudo Pode Acontecer)
1935 The Call of the Wild (O Grito das Selvas)
1935 China Seas Mares da China}
1935 Mutiny on the Bounty (O Grande Motim)
1936 Wife vs. Secretary (Ciúme)
1936 San Francisco (São Francisco, A Cidade do Pecado)
1936 Cain and Mabel (Caim e Mabel)
1936 Love on the Run (Do Amor Ninguém Foge)
1937 Parnell (Parnell, O Rei Sem Coroa)
1937 Saratoga (Saratoga)
1938 Test Pilot (Piloto de Provas)
1938 Too Hot to Handle (Sob o Céu dos Trópicos)
1939 Idiot's Delight (Este Mundo Louco)
1939 Gone With the Wind (… E o Vento Levou)
1940 Strange Cargo (Almas Rebeldes)
1940 Boom Town (Fruto Proibido)
1940 Comrade X (O Inimigo X)
1941 They Met in Bombay (Aventura no Oriente)
1941 Honky Tonk (Quero-Te Como És)
1942 Somewhere I'll Find You (Ainda Serás Minha)
1945 Adventure (Aventura)
1947 The Hucksters (Mercador de Ilusões)
1948 Homecoming (O Amor Que Me Deste)
1948 Command Decision (Trágica Decisão)
1949 Any Number Can Play (Quando Morre uma Ilusão)
1950 Key to the City (Mulher, A Quanto Obrigas!)
1950 To Please a Lady/ "Red Hot Wheels" (Agora Sou Tua)
1951 Across the Wide Missouri (Assim São os Fortes)
1951 Callaway Went Thataway (Esperto Contra Esperto)
1952 Lone Star (A Estrela do Destino)
1953 Never Let Me Go (Nunca Me Deixes Ir)
1953 Mogambo (Mogambo)
1954 Betrayed (Atraiçoado)
1955 The Soldier of Fortune (O Aventureiro de Hong Kong)
1955 The Tall Men (Nas Garras da Ambição)
1956 The King and Four Queens (Esse Homem É Meu!)
1957 Band of Angels (Meu Pecado Foi Nascer)
1958 Teacher's Pet (Um Amor de Professora)
1958 Run Silent, Run Deep (O Mar É Nosso Túmulo)
1959 But Not For Me (Beijos Que Não Se Esquecem)
1960 It Started in Naples (Começou em Nápoles)
1960 The Misfits (Os Desajustados)
                                             Trilhas sonoras
That's Entertainment!/ That's Entertainment: 50 Years of MGM (1974) ("Puttin' On the Ritz")
Comrade X (1940) ("Funiculi, Funicula")
Boom Town (1940) ("Polly Wolly Doodle" (não-creditado)
Idiot's Delight (1939) ("By the Light of the Silvery Moon" (não-creditado), "Puttin' on the Ritz" (não-creditado), "Boola Boola" (não-creditado), "Abide with Me" (não-creditado), "The Fountain in the Park" (não-creditado))
Saratoga (1937) ("The Horse with the Dreamy Eyes" (não-creditado))
Love on the Run (1936) ("String Quintet In E, Op. 13 No. 5: Minuet" (não-creditado)) ("She'll be Comin' 'Round the Mountain" (não-creditado))
Wife vs. Secretary (1936)Wife vs. Secretary (1936)("Thank You for a Lovely Evening" (não-creditado), "She Was Poor But She Was Honest" (nõ-creditado), "Pack Up Your Troubles in Your Old Kit Bag and Smile, Smile, Smile!" (1915) (não-creditado))
It Happened One Night (1934) ("Who's Afraid of the Big Bad Wolf" (não-creditado))
                                   Ele mesmo
"The Moviemakers" (1 episódio)
The Films of Frank Capra - episódio de TV (não-creditado)
The 30th Annual Academy Awards (1958) (TV)
A Star Is Born World Premiere (1954) (TV) (não-creditado) .... Himself - in crowd
"Toast of the Town"/ "The Ed Sullivan Show" (1 episódio, 1953)
Callaway Went Thataway/ The Star Said No (UK) (1951) (não-creditado)
Screen Actors (1950) (não-creditado)
Some of the Best (1949) (não-creditado)
Screen Snapshots Séries 23, No. 1: Hollywood in Uniform (1943)
Wings Up (1943) (voz) (Narrador)
Show Business at War/ The March of Time Volume IX, Issue 10 (1943)
Combat America (1943) (ele mesmo/ Narrador)
You Can't Fool a Camera/ A New Romance of Celluloid: You Can't Fool a Camera (1941)
Northward, Ho! (1940) (não-creditado)
Screen Snapshots Séries 18, No. 9 (1939)
Hollywood Hobbies (1939) (não-creditado)
Hollywood Goes to Town (1938)
Another Romance of Celluloid (1938) (não-creditado)
Hollywood Party (1937)
The Candid Camera Story (Very Candid) of the Metro-Goldwyn-Mayer Pictures * 1937 Convention (1937) (não-creditado)
Screen Snapshots Séries 16, No. 3 (1936)
Screen Snapshots Séries 15, No. 8 (1936)
Starlit Days at the Lido (1935) (não-creditado)
Hollywood Hobbies (1935)
Hollywood on Parade No. B-13 (1934)
Hollywood on Parade No. A-9 (1933) (não-creditado)
Hollywood on Parade No. A-6 (1933)
Screen Snapshots (1932/I)
The Christmas Party/ A Christmas Story/ Jackie Cooper's Christmas Party (USA: título do DVD) (1931) (não-creditado)
Jackie Cooper's Birthday Party (1931)



Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 13:04

BOB JOE UM CAWBOY BRASILEIRO

Domingo, 08.07.12
BOB JOE
     BOB JOE
      UM CAWBOY BRASILEIRO

NASCIDO EM CACULÉ (BA)
 
É um apaixonado pela música e despertou sua paixão logo cedo, na época em que aboiava o gado na fazenda de seu pai, a cantarolar seu tireolei.

Inspirado no personagem Rex Alen do filme “Índio nas montanhas do Tirol” criando assim um estilo marcante que o consagrou como grande percursos do country no Brasil. O primeiro disco veio por intermédio do amigo Zé da Estrada que gentilmente não hesitou em usar seu prestigio, apresentando BOB JOE para seu diretor artístico pleiteando sua inclusão no cast da gravadora, no que foi prontamente atendido.

Qual não foi surpresa, o disco conferiu-lhe grande sucesso e execução de vendagem superando até mesmo as expectativas. Daí por diante BOB JOE ficou famoso e conquistou automaticamente a consagração ao colecionar vários sucessos com 18 Long-play que gravou; sendo que alguns long-play teve a participação especial da cantora e acordionista Linda Maria. Na década de 70 BOB JOE e Linda Maria foram diretores artísticos do primeiro programa de rodeio na televisão brasileira “OS GRANDE RODEIOS” na TV Cultura dando continuidade na TV Bandeirantes com a direção e apresentação de Aldeni Faia.

Excursionou por várias regiões do Brasil fazendo Shows em Feira Agropecuárias, Rodeios, Festa de Prefeituras, Circos e eventos em geral, sempre com sucesso de público  garantindo graças ao seu talento. Contudo BOB JOE sempre foi ousado e pronto para enfrentar novos desafios em sua carreira, principalmente quando aceitou o convite  do seu amigo Beto Carrero para ser artista exclusivo onde atuou com brilhantismo nos últimos dez anos.

Voltou ao estúdio em 2009 para atender ao pedido de participação especial no mais novo cd do amigo narrador de Rodeios Gleydson Rodrigues, que durante a gravação BOB JOE encantou todos os presentes no estúdio, apoiado por Manasses Fróis, Thoninho Mattos e João Resende, aceitou a idéia de gravar um CD, o repertório composto de 16 músicas na mais nova linguagem country nacional, e o requinte e letras de bom gosto, tudo isso somando a interpretação marcante de BOB JOE, nos da certeza de que esta será o melhor CD do seu estilo.



 

DISCOGRAFIA DE BOB JOE

78 ROTAÇÕES

1962 - SERTANEJO - CH-10.251
A - Vaquinha Salomé - S. Aurélio e C. Armando
B - Ave-Maria do Vaqueiro - Bob Joe e Sebastião Coutinho
1962 - SERTANEJO - CH-10.293
A - Cavalgando Pelos Pampas - Bob Joe e Sebastião Coutinho
B - Mexicana - Bob Joe e Sebastião Coutinho



LPs


SUCESSOS COWBOY




01) Sinos de Belém - D.P.
02) Oh Suzana - D.P.
03) Vale do Rio Vermelho - D.P.
04) Meu Rio Grande - Rodolfo Vila e Roberto Stanganelli
05) Princesa do Oeste - Roberto Stanganelli, Bob Joe e Francisco Barreto
06) Rio das Flores - Roberto Stanganelli, Bob Joe e Francisco Barreto
07) Estância City - Roberto Stanganelli, Bob Joe e Francisco Barreto
08) O Seresteiro - Roberto Stanganelli e João Silva
09) Rancho Alegre - D. R. - Adaptação: Bob Joe
10) Prenda Minha - D.P.
11) Adeus Gaúcha - D.P.
12) Pelos Paços - Rodolfo Vila e Roberto Stanganelli


CHARRETEIRO DO AMOR - 1971 
 01) O Charreteiro - Bob Joe
02) Zorro - Bob Joe
03) Don Pedrito - Bob Joe 
04) Bat Masterson - Bob Joe
05) Rodeio - Bob Joe
06) O Vaqueiro - Bob Joe
07) Um Beijinho Só - Bob Joe
08) Siga Teu Caminho - Bob Joe 
09) Adeus Meu Grande Amor - Bob Joe
10) Não Vem que Não Tem - Bob Joe
11) Você Precisa de Carinho - Bob Joe
12) Morrendo de Saudade - Bob Joe

BOB JOE E LINDA MARIA - REI DO COWBOY - 1972 - SINTER/PHILIPS - Nº 1311
0
 1) Lágrimas de um Adeus - Bob Joe e Sebastião Aurélio
02) Galopa Cavalinho - Bob Joe e Linda Maria
03) Morena Casa Comigo - Antoninho Lopes
04) Mariquita Vai Casar - Carlos Armando Paschoalim
05) Encontro de Namorados - Bob Joe
06) Rei do Campo - Bob Joe e Linda Maria
07) Vaqueiro Veterano - Martins Neto
08) Não Chore Amor - Bob Joe
09) O Rei do Cowboy - Jair Gonçalves
10) Vaqueiro do Amor - Bob Joe
11) Em Busca do Amor - Mauro de Almeida e Benê Alves
12) O Vingador - Aldo Reis

CAVALEIROS DO CÉU - 1973

 01) Cavaleiros do Céu - Stan Jones - Versão: Haroldo Barbosa
02) São Francisco - John Phillips - Versão: Gilberto Lima
03) Oração do Vaqueiro - Bob Joe
04) Mexicana - Sebastião Coutinho
05) Vale do Rio Vermelho - Adaptação: Bob Joe
06) Vaquinha Malhada - Bob Joe e Sebastião Aurélio
07) Se Tu Não Fosses Tão Linda - Versão: Bob Joe
08) Vaquinha Salomé - Sebastião Aurélio e Carlos Armando
09) Baile na Fazenda - Bob Joe e Linda Maria
10) Oh Suzana - Stephen Foster- Versão: Bob Nelson
11) A Grande Tourada - Bob Joe e Mauro André
12) Cowboy do Amor - Wilson Baptista e Roberto Martins

VAQUEIRO SOLITÁRIO - 1973 - INSPIRAÇÃO - C-1048 - TROPICANA/CBS - Nº 01111

 01) Oh! Suzana - Stephen Forster e Versão: Bob Nelson
02) Vaquinha Salomé - S. Aurélio e C. Armando
03) Rodeio - Denis Brean e Osvaldo Guilherme
04) Cavalo Ensinado - Wilson Batista e Roberto Martins
05) Vaqueiro Solitário - Bob Joe e Mauro André
06) Alô Beleza - D. R.
07) Mexicana - L. S. Coutinho
08) Vale do Rio Vermelho - Adaptação: Bob Joe
09) Ave-Maria do Vaqueiro - Bob Joe e Sebastião Coutinho
10) Passeio na Querência - Jack Jony
11) Canção da Despedida - Bob Joe e Paulinho
12) Boi Barnabé - Víctor Simão e Bob Nelson

O XERIFE - 1979 - COPACABANA - COELP-41235

 01) O Xerife - Noel Fernandes, Da Silva e Mourão Filho
02) Discotheque de Cawboy - Bekekê e Bob Joe
03) Andarilho Triste - Noel Fernandes, Bob Joe e Sargento Castro
04) By By My Love - Noel Fernandes e Bob Joe
05) Não Quero Mais Você - Bob Joe e José Homero
06) Cigarra do Norte - Noel Fernandes e Alencar Santos
07) Meu Nome é Roy - Noel Fernandes e Bekekê
08) Boiadeiro Feliz - Lucimar, Ponteli e Rosane
09) Tarde de Solidão - Lucimar, Paulo Aiello e Rosane
10) O Bom Vaqueiro - Zé da Praia e Cláudio Balestro
11) Não Vivo Sem Teu Amor - Bob Joe, Chicão Pereira e Linda Maria
12) Cavaleiro Errante - Victor Young e Mack David - Versão: Ghiaroni

SONHO DE COWBOY - 1982 - COPACABANA - COELP-41659


01) Sonho de Cowboy -
 Zé da Praia e Hércules
02) Justiceiro do Oeste - Jorge Silva e Almyr
03) Tchau Tchau Amor - Noel Fernandes, Bob Joe e Bekekê
04) Boiadeiro Imaginário - Carlos César e Morgado
05) Os Dez Mandamentos - Noel Fernandes e Paulo Roberto Aiello
06) Linda Cigana - Silveira e Silveirinha
07) Adeus Califórnia - Noel Fernandes e Bekekê
08) Lágrimas de Palhaço - Noel Fernandes e Bob Joe
09) Cavaleiro do Luar - Carlos César e José Fortuna
10) Estou Enrolado - Gilmar e Benedito Praconi
11) Tropeiro do Norte - Noel Fernandes e Alencar Santos
12) Sou Seu Homem - Jack e Waldemar de Freitas Assunção
 


BOB JOE - AMC-5030
 01) O Pequeno Órfão - Bob Joe e Bekekê
02) Estrada - Carlos Cézar e José Fortuna
03) O Pica-pau - Carlos Cézar
04) Pássaro Vadio - Bob Joe e Rafa
05) Cowboy - Carlos Cézar e José Fortuna
06) Banjo Alegre - José Felipe, J. Simões e André Luis
07) Trailer - Crisóstomo e Bekekê
08) Andarilho (Mississipi) - Werner Theunissen - Versão: Carlos César
09) Billy Tempestade - Carlos Cézar e Alfie Soares
10) Ouro Sem Valor - Bob Joe e Rafa
11) Saudade de Suzana - José Felipe e J. Simões
12) Meu Nome é Bob Joe - Carlos Cézar

BOB JOE - 1984 - ARLEQUIM - Nº 821.208-1


 - FAMA - FLP-501


01) Justiceiro Solitário -
 Braulino de Oliveira
02) Mary Lou (Hello Mary Lou) - G. Pitney - Versão: Carlinhos Borba Gato
03) Meu Trolinho - Francisco Lacerda e Ricarda Jardim
04) Horizonte Azul - José Lopes
05) A Viagem - Heleno Biehl
06) Eu Tenho a Paz - John Dilon e Elizabeth Anderson - Versão: Carlinhos Borba Gato
07) Roy Rogers - Mizinho
08) Buck Jones - José Lopes
09) Amor de Minha Vida - Bob Joe e Carlos César
10) Balada do Homem Sem Rumo - Castro Perret
11) A Grande Distância - Eustáquio e Joaquim
12) Renascer - Carlos Cézar
  

RAÍZES SERTANEJAS - 1998

BI
01) Oh! Suzana - Arranjo: Bob Nelson
02) Cavaleiro do Céu - Versão: Haroldo Barbosa
03) Vaquinha Salomé - Sebastião Aurélio e Carlos Armando
04) Cowboy do Amor - Wilson Baptista e Roberto Martins
05) Oração do Vaqueiro - Bob Joe
06) O Bom Vaqueiro - Zé da Praia e Cláudio Balestro
07) Cavaleiro Errante - Versão: Ghiaroni
08) Linda Cigana - Silveira e Silveirinha
09) São Francisco - John Philips - Versão: Gilberto Lima
10) Vale do Rio Vermelho - Adaptação: Bob Joe
11) Adeus Califórnia - Noel Fernandes e Bekekê
12) Andarilho Triste - Noel Fernandes, Bob Joe e Sargento Castro
13) A Grande Tourada - Bob Joe e Mauro André
14) Cavaleiro do Luar - Carlos Cézar e José Fortuna
15) Rancho Alegre - Adaptação: Bob Joe
16) Vaquinha Malhada - Bob Joe e Sebastião Aurélio
17) Boiadeiro Feliz - Lucimar, Ponteli e Rosane
18) Os Dez Mandamentos - Noel Fernandes e Paulo Roberto Aiello
19) Rio das Flores - Roberto Stanganelli, Bob Joe e Francisco Barreto
20) O Xerife - Noel Fernandes, Da Silva e Mourão Filho
 S SERTANEJO - 2000
CD 01:
01) Oh, Suzana -
 Stephen Foster - Arranjo: Bob Nelson
02) Vaquinha Salomé - Carlos Armando e Sebastião A. Casimiro
03) Meu Rio Grande - Roberto Stanganelli e Rodolfo Vila
04) Oração do Vaqueiro - Bob Joe
05) Estância City - Roberto Stanganelli, Bob Joe e Francisco Barreto
06) Cavaleiro Errante - Victor Young - Versão: Mack David
07) Adeus Gaúcha - D.P.
08) São Francisco - John Phillips - Versã:. Gilberto Lima
09) Sou Seu Homem - Jack e Waldemar de Freitas Assunção
10) A Grande Tourada - Bob Joe e Mauro André
11) Meu Nome é Roy - Noel Fernandes e Bekekê
12) Rancho Alegre - Tradicional - Adaptação: Bob Joe
13) Mexicana - Bob Joe e Sebastião Coutinho
14) Adeus Califórnia - Noel Fernandes e Bekekê
CD 02:
01) Cavaleiros do Céu - 
Stan Jones - Versão: Haroldo Barbosa
02) Cowboy do Amor - Wilson Batista e Roberto Martins
03) O Bom Vaqueiro - Zé da Praia e Cláudio Balestro
04) Linda Cigana - Silveira e Silveirinha
05) Vale do Rio Vermelho - Tradicional - Adaptação: Bob Joe
06) Andarilho Triste - Noel Fernandes, Bob Joe e Sargento Castro
07) Cavaleiro do Luar - Carlos Cézar e José Fortuna
08) Vaquinha Malhada - Bob Joe e Sebastião Aurélio
09) O Xerife - Noel Fernandes, Da Silva e Mourão Filho
10) Boiadeiro Feliz - Lucimar, Ponteli e Rosane
11) Se Tu Não Fosses Linda - Locatelli - Versão: Mogol
12) Os Dez Mandamentos - Noel Fernandes e Paulo Roberto Aiello
13) By By My Love - Noel Fernandes e Bob Joe
14) Rio das Flores - R. Stanganelli, Bob Joe e Francisco Barreto

BJ COUNTRY

01) Chuva de Mulher - Bob Joe
02) Festa Arrojada - Bob Joe
03) Vanera do Cowboy - Billy Nelson
04) Jambalai - Vou Doar Meu Coração - Hank Williame - Adaptação Letra: Bob Joe
05) Vale do Rio Vermelho - Red River Valey - Adaptação Letra: Capitão Furtado
06) Tributo a Minas Gerais - Bob Joe e Manassés Frois
07) Ficar Sem Você Não Dá - Bob Joe e Manassés Frois
08) Pout-Porri - Vaquinha Salomé - Cowboy do Amor - (Bob Joe) - (Wilson Batista e Roberto Martins)
Oh!Suzana - Sthepen Foster r Bob Nelson
09) Boi Cagão - Jorginho Cruz
10) Estrela Guia - Bob Joe
11) Chuá-Chuá - Pedro Sá e Ary Machado
12) Doce Veneno - Tshoninho Mato
13) Marca de Batom - Bob Joe, Chico Halmen e Manassés Frois
14) Comitiva do Amor - Bob Joe, Linda Maria e Suzy Joe
15) Morena Linda - Bob Joe
16) Não Posso te Esquecer - Fred Jorge
17) Carnaval Sertanejo - João Rezende e Roni Mota 




Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por duronaqueda às 12:57

FREDDY VERSUS JASON VERSUS ASH FINAL

Domingo, 08.07.12





















Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 02:49

FREDDY VERSUS JASON VERSUS ASH FINAL

Domingo, 08.07.12





















Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 02:49

FREDDY VERSUS JASON VERSUS ASH 05

Domingo, 08.07.12























Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 02:28

FREDDY VERSUS JASON VERSUS ASH 05

Domingo, 08.07.12























Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 02:28

FREDDY VERSUS JASON VERSUS ASH 04

Domingo, 08.07.12























Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 02:04

FREDDY VERSUS JASON VERSUS ASH 04

Domingo, 08.07.12























Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 02:04

FRED VERSUS JASON VERSUS ASH 03

Domingo, 08.07.12























Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 01:39

FRED VERSUS JASON VERSUS ASH 03

Domingo, 08.07.12























Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 01:39

FRED VERSUS JASON VERSUS ASH parte 02

Domingo, 08.07.12























Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 01:19

FRED VERSUS JASON VERSUS ASH parte 02

Domingo, 08.07.12























Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 01:19