Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



biografia John Adams

Quarta-feira, 23.01.13
John Adams
John Adams (Braintree, 30 de outubro de 1735 — Quincy, 4 de julho de 1826) foi um advogado e político estadunidense. Foi o primeiro vice-presidente dos Estados Unidos (1789 - 1797), durante o governo de George Washington, e o segundo Presidente deste país, de 1797 a 1801 . Foi delegado no primeiro e no segundo Congresso continental.
Adams chegou à proeminência nas fases iniciais da Revolução Americana. Como um delegado de Massachusetts para o Congresso Continental, ele desempenhou um papel de liderança em convencer o congresso a aprovar a Declaração da Independência dos Estados Unidos, em 1776 .


Infância e juventude
John Adams era o mais velho de três filhos , nasceu em 30 de outubro de 1735 (19 de outubro de 1735, no calendário juliano), no que é hoje Quincy, Massachusetts de John Adams, Sr., e Boylston Susanna Adams . Enquanto ele não falava muito de sua mãe mais tarde na vida, ele normalmente elogiava seu pai e foi muito próximo a ele quando criança. hoje o berço dos Adams é parte de Adams National Historical Park. Seu pai (1691-1761), era descendente de quinta geração de Henry Adams, que emigrou da Somerset na Inglaterra , para Massachusetts Bay Colony, em cerca de 1638. Adams nasceu em uma família modesta, jovem, Adams foi para Harvard College, aos dezesseis anos em 1751.
Carreira política e diplomata
Ocupou cargos diplomáticos na França e nos Países Baixos durante a guerra de independência e participou da elaboração do tratado de paz. Retornou ao país e foi eleito vice-presidente de George Washington.

John Adams se demonstrou contrário aos conflitos entre os ingleses, os franceses revolucionários e os federalistas americanos, dando fim à guerra no mar e incentivando a convenção de 1800 que proporcionou o reatamento das relações entre França e Inglaterra.
Membros mais intransigentes do seu partido se vingaram dele não se empenhando para sua reeleição em 1800. Adams, no entanto, não pode esconder que se identificava mais com os federalistas e que sua linguagem se aproximava muito da dos ultraconservadores europeus sendo esta a explicação dada à vitória dos republicanos durante a eleição, com a subida de Thomas Jeferson à presidência.  Durante seu governo ocorreram as revoluções da Virgínia e do Kentucky.
Depois da derrota pela reeleição, ele se aposentou em Massachusetts. Seu filho, John Quincy Adams, foi, também, posteriormente, presidente dos Estados Unidos.

Um fato curioso é que, John Adams retirou-se para sua fazenda em Quincy, e seu amigo, Thomas Jefferson (também ex-presidente e participante da Declaração da Independência) morreram na mesma data. Só que Jefferson havia morrido poucas horas antes, em Monticello, em 4 de julho de 1826, sendo que, coincidentemente, nesse dia eram comemorados os 50 anos da independência americana, a qual os dois ajudaram a conquistar.

    Thomas Jefferson sobrevive    
— John Adams, em seus últimos momentos de vida 
Encontra-se sepultado em Adams Crypt, Quincy, Condado de Norfolk, Massachusetts nos Estados Unidos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 21:26