Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



COMO,ONDE,PORQUE?

Sábado, 29.06.13
COMO,ONDE,PORQUE?
porque os galos cantam de madrugada?

O galo canta para demarcar o seu território. Os machos iniciam o seu canto logo que acordam, entre 3h e 5h, antes que as fêmeas deixem seus ninhos e que as aves iniciem a busca diária por alimento. Mas esse não é o seu único horário de atividade. Ao longo do dia eles também cocoricam: só param quando dormem, ou seja, quando não há mais disputas por território. Os galos não cantam para atrair as fêmeas, e sim para se imporem diante de outros galos. Por isso, a sincronização do canto é quase inevitável entre eles, já que todos tentarão emitir seu som com mais intensidade e duração para abafar o esforço dos adversários. Se houver um outro macho cocoricando por perto, o mais provável é que ocorra uma luta para a expulsão do invasor.
Por que os morcegos gostam de se pendurar de cabeça pra baixo?
Por incrível que pareça, eles gostam de permanecer assim para economizar energia na hora de decolar para um vôo. "Essa forma de dormir tem sido muito útil para os morcegos. Voar gasta muita energia e um dos momentos em que mais se despende energia é durante a decolagem. Estando de cabeça para baixo, alçar vôo torna-se muito mais fácil porque utiliza-se a força da gravidade como impulso", afirma a bióloga Caroline Cotrim Aires, da Universidade de São Paulo (USP). Se essa posição é tão vantajosa, por que os pássaros não ficam pendurados como os morcegos? A resposta pode estar na evolução de cada grupo desses animais. "Morcegos têm como ancestrais mais próximos os quadrúpedes, enquanto as aves são mais próximas de bípedes, no caso os dinossauros. No processo de adoção do vôo, os quadrúpedes desenvolveram os membros superiores, enquanto os inferiores foram regredindo. Já os bípedes mantiveram os membros inferiores funcionais e firmes para correr quando fossem alçar vôo", diz Caroline.
Embora a grande maioria dos morcegos repouse de cabeça para baixo, indivíduos de algumas espécies dormem deitados, apoiando o ventre em lugares apertados como vãos de telhas e buracos.

Impulso fácil
Nessa estranha posição, a gravidade ajuda no início do vôo
1 - Os morcegos não ficam cansados de permanecer de ponta-cabeça pois têm um eficiente sistema de travas nos tendões dos pés que ameniza o peso do animal. A torção de 180º na posição dos pés em relação ao corpo também facilita a permanência de cabeça para baixo

2 - Graças à força da gravidade, quando o morcego se solta ele ganha impulso para iniciar o vôo sem gastar energia. É uma vantagem em relação a aves que precisam de uma pequena corrida para decolar ou mesmo de um salto inicial antes do vôo e se desgastam muito mais
Como os faraós eram embalsamados?
Em primeiro lugar, cérebro, intestinos e outros órgãos vitais eram retirados. Nessas cavidades, colocavamse resinas aromáticas e perfumes. Depois, os cortes eram fechados. Mergulhava-se, então, o cadáver num
tanque com nitrato de potássio (salitre) para que a umidade do corpo fosse absorvida. Ele permanecia ali
por setenta dias. Após esse período, o corpo era lavado e enrolado numa bandagem de algodão,
 com
centenas de metros, embebida em betume, uma substância pastosa. Só aí o morto ia para a tumba. Esse
processo conservava o cadáver praticamente intacto por séculos. A múmia do faraó Ramsés II, que reinou
no Egito entre 1304 e 1237 a.C., foi encontrada em 1881 apenas com a pele ressecada. Os cabelos e os
dentes continuavam perfeitos.
Cordilheira dos Andes Wallpaper
  Cordilheira
Uma cordilheira é um conjunto de serras dispostas paralelamente.  As cordilheiras formam um grande sistema de montanhas reunidas, geralmente resultado do encontro de duas placas tectônicas que muitas vezes lançam ramos ou cadeias de montanhas secundárias. As cordilheiras mais famosas do mundo são a do Himalaia na Ásia, a dos Andes na América do Sul, as Rochosas na América do Norte e a dos Alpes na Europa.

                                                             Clima e Vegetação

As montanhas (isto é, o relevo) são um dos vários fatores influentes no clima de um certo espaço geográfico. A precipitação de chuva e de neve é causada por essas cadeias intensamente, por exemplo. Quando o vento sopra pelo mar, o vento úmido vai para cima e esfria, para formar a precipitação orográfica. Então, dessa forma, o ar seco e fresco move para o lado do sotavento. Também afeta a temperatura em geral. Como bem sabemos, quanto mais alto e o relevo, mais fria é a temperatura. Há menos oxigênio e, ainda, há uma vegetação típica, a vegetação de altitude. Essa vegetação é semelhante à vegetação polar, com arbustos baixos, plantas rasteiras, animais como veados etc. Nas cidades dos Andes, entre elas, La Paz, é comum mascar folhas de coca, uma tradição herdada dos Incas, povo pré-colombiano da América do Sul, para suportar a falta de oxigênio e as condições do ambiente.
    
                                                    Cordilheiras Secundárias

Uma única cordilheira pode ser mãe de outras pequenas cordilheiras, que, na geologia, chamamos de cordilheiras secundárias. Organizadas em um sistema de topologia em árvore, as cordilheiras têm várias ramificações e são muito complexas. Por exemplo, os Apalaches são os pais de outras cordilheiras secundárias, tais como as Montanhas Brancas e a Cordilheira Blue. Por si só, as Montanhas Brancas também têm filhos, como a Sandwich Range e a Presidential Range. Ainda, a Presidential Range pode ser dividida na Presidential Range do Norte e na Presidential Range do Sul.
                                                      Etimologia e Outros Usos

A palavra cordilheira vem do espanhol cordillera. Às vezes, quando queremos denominar um sistema de montanhas coladas entre si, dizemos cadeia de montanhas.



Por que o número 7 é tão presente no cotidiano das pessoas?
Desde a Antigüidade, a partir da observação da natureza, muitos significados foram atribuídos aos números.
De acordo com o que viam, os estudiosos relacionavam os números a eventos, datas e conceitos religiosos.
O número sete era considerado sagrado, já que supostamente representava a quantidade de planetas
presentes no céu. Os pitagóricos, por exemplo, consideravam-no a imagem e modelo da ordem divina e
harmonia. Por conta disso, foram incontáveis as concepções sociais e religiosas que se formaram diante
dele: são sete os dias da semana, os pecados capitais e as notas musicais, entre outros.
Por que quando estamos em pé, mas com o tronco do corpo
tombado, as pessoas dizem "foi assim que Napoleão perdeu a
guerra"?
Porque quando o exército de Napoleão estava voltando da Rússia, os soldados estavam tão exaustos e
havia tanto gelo que eles mal conseguiam andar. Fatigados, eles acabavam tombando na neve, com as
pernas e o tronco formando um ângulo de 90 graus.


Por que os pilotos camicazes usavam capacete?
Em aviões, os capacetes nunca foram utilizados para proteger os pilotos em casos de acidentes. No início da
história da aviação, eles serviam para manter aquecida a cabeça dos pilotos, que voavam em cabines
abertas. Mais tarde, já em cabines fechadas, eles tinham a finalidade de acomodar fones de ouvido e
microfones, permitindo a comunicação dos pilotos com a base por meio de rádio. Para os camicazes, os
capacetes funcionavam como o canal os dirigia até seus alvos.
Como acontece o movimento de rotação da Lua? Ela gira em
torno do quê ? Como estes giros influenciam as fases de seu
ciclo?
A Lua tem uma rotação em torno de seu próprio eixo, que dura 27 dias, 7 horas e 33 minutos. Seu
movimento ao redor da Terra leva o mesmo período para acontecer e, por conta disso, os observadores
daqui enxergam sempre a mesma face deste satélite. Quanto às fases que apresenta, trata-se de um
fenômeno geométrico, que depende unicamente de sua posição em relação à Terra e do ângulo de
incidência dos raios solares sobre ela. Neste aspecto, o ciclo tem uma duração de 29 dias, 12 horas e 44
minutos e não sofre nenhuma influência do movimento de rotação.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por duronaqueda às 10:30